Pages

Assista A Introdução

domingo, 18 de abril de 2010

ESPECTADOR DE UM EPISÓDIO





Engolido por um rede moinho
Passando por mim em uma carruagem de fogo
Enquanto carvão transformava-se em diamante
Pude ver tudo o que se esvaia ao passar Isaías


Sinos ecoavam em mil badaladas
E o tal ouro agora não vale nada
Muito menos suor sangue ou dor
Do pó ao pó
Era a frase que em meus ouvidos timbrava


Como em um estalar de dedos
Porem mais alto que o urro do dragão
Bem mais que a dor de um homem
Ao ver um corpo que pairava ao chão


Flores de todas as cores
Rodeiam e cobre o corpo
Vultos inalam Canabis
Sonhos ou ilusão?


Cabeça tronco e membro
Embora em posição alterada
Minha mente já não pensa
Apenas relata o que se passa


ANDERSONSC

5 comentários:

Nina da Cidade disse...

É sempre muito bom ler-te!

Um beijinho muito grande

Valéria disse...

E relatou perfeitamente,

intensidade
.
verdade
.
quase rima
.
com ilusão...

BeijooO'

O Garoto do Blog. disse...

Que bom saber amigo que você deixa suas palavras confortantes pra mim...você não sabe o queanto isso me ajuda....esses poemas são seus mesmo?...sabias palavras esou sempre por aqui

Falow irmão felicidades pra vocêsempre.

Sinceramente: O Garoto do Blog.

Iara disse...

Intenso.

Valéria disse...

Vim agradecer o carinho e espero novos post para ler e comentar!

BeijooO'