Pages

Assista A Introdução

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

UM SONHO DENTRO DE UM SONHO




E se houvesse outro seu ser
E se fosse possível estar frente a frente consigo
Com alguém que realmente soubesse o que você é
E você também soubesse a perola e o porco do seu ser


Sua sombra
Sua mente
Seus pecados onipresentes

A navalha na garganta te presenteia
Um futuro que carl Jung se quer ousou sonhar

Quem olha para fora sonha
Quem olha para dentro acorda


E quem encontra com si mesmo
Sonha que sonha?
Ou acorda do sonho que sonhava?


Labirintos da mente!



ANDERSONSC




OBS:
***Quem olha para fora sonha quem olha para dentro acorda***
carl Jung








1 comentários:

Mik disse...

Olhar-se para dentro, constrager-se diante do que você realmente é. Despertar para uma nova realidade, longe dos pecados escondidos, das faces que construímos ...

Muito belo e reflexivo ....